Federação Nacional das Associações dos Oficiais de Justiça Avaliadores Federais

Federação Nacional das Associações dos Oficiais de Justiça Avaliadores Federais

FENASSOJAF PARTICIPA DE REUNIÃO COM O PRESIDENTE DA OAB/DF PDF Imprimir E-mail
Escrito por jornalista Caroline P. Colombo   
Sex, 12 de Fevereiro de 2016 13:01

A Diretora Administrativa da Fenassojaf, Conceição Leal, participou, na semana passada, de uma reunião com o presidente da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB/DF), Juliano Costa Couto. O objetivo foi falar sobre a crescente insegurança de que os Oficiais de Justiça são alvo no cotidiano do trabalho.

Além dela, participaram do encontro outros representantes de associações de Oficiais de Justiça como o presidente da Aojus/DF, Gerardo Alves Lima Filho; o presidente da Asejus, André Luís Brag; o coordenador do Sindicato dos Servidores do DF, Itamar Camilo; o vice-presidente da Associação dos Oficiais de Justiça do DF, Julio Cesar Queiroz; a coordenadora Daniela Machado e o conselheiro fiscal Eltomar Rodrigues Pimenta. O Oficial de Justiça, Paulo Roberto Vieira Borges, também acompanhou a reunião.

Segundo os representantes, a violência que se vê nas ruas do Distrito Federal diariamente é ainda maior em relação a eles, que se dedicam à tarefa de intimar pessoas para responder a processos judiciais. De acordo com os Oficiais de Justiça, os relatos de crimes cometidos contra a classe têm crescido e podem atrapalhar efetivamente o funcionamento do Judiciário.

Na ocasião, foram discutidas questões como a valorização da profissão do Oficial de Justiça e a aproximação entre as entidades para a busca de soluções que confiram mais segurança aos profissionais, que passam grande parte do dia nas ruas. “Conheço a realidade do trabalho dos Oficiais de Justiça e me solidarizo com a categoria. O número de processos judiciais cresce a cada dia e, com ele, o volume de trabalho dos Oficiais. Me comprometo a criar um canal de discussão para que a OAB os ajude a solucionar problemas, porque do trabalho de vocês depende a boa prestação jurisdicional”, afirmou Juliano Costa Couto.

A diretora da Fenassojaf salientou a importância de contar com o apoio da Ordem e fez uma sugestão para facilitar o trabalho dos Oficiais e dos advogados. “Pedimos que os advogados forneçam mais informações para o cumprimento das ordens. Quando eles colocam telefone das partes e indicação de bens, por exemplo, facilita o cumprimento do mandado, evitando riscos”, disse.

Para Gerardo Alves Lima Filho, a reunião foi muito produtiva. “As duas partes têm interesse no funcionamento adequado do Judiciário, na concretização da prestação jurisdicional e na garantia da própria ordem democrática, para assegurar os direitos da população”.

com informações da OAB/DF

 
FENAJUFE BUSCA AUDIÊNCIA COM NOVAS LIDERANÇAS PARTIDÁRIAS DA CÂMARA PDF Imprimir E-mail
Escrito por jornalista Caroline P. Colombo   
Sex, 12 de Fevereiro de 2016 12:24

Com o objetivo de preparar o terreno para que na reunião do colégio de líderes da Câmara dos Deputados na terça-feira (16), seja discutido o pedido de urgência do PL 2648/2015, a coordenadora da Fenajufe e membro da Comissão de Negociação, Iracema Pompermayer, protocolou na tarde de quinta-feira (04), pedidos de audiência com as novas lideranças partidárias já eleitas para o novo ano legislativo.

A medida atende deliberação da Fenajufe, que trabalha concomitantemente para levar o projeto com regime de urgência à votação em plenário, já que sem acordo não haverá votação do projeto quanto ao mérito, como ocorreu em 2015.

Nos ofícios, além da solicitação de audiência, uma explicação detalhada sobre o PL 2648/2015 e o pedido de urgência do deputado José Guimarães (PT/CE), líder do governo na Câmara, pretende oferecer informações aos parlamentares na reunião de líderes.

Foi solicitada audiência com os novos líderes já eleitos do PT, Afonso Florence (BA);  do PC do B, Daniel Almeida (BA) e do DEM, Pauderney Avelino (AM). Também foi solicitada audiência com os senadores Paulo Rocha e Humberto Costa, do PT, Randolfe Rodrigues, da Rede e Antônio Imbassahy, do PSDB.

Dia Nacional de Mobilização

A categoria está sendo chamada a acompanhar negociação e preparar o Dia Nacional de Lutas em 25 de fevereiro, para cobrar melhorias no PL 2648, tramitação em regime de urgência e votação em plenário.

A diretoria da Fenassojaf conclama os Oficiais de Justiça a ficarem atentos e participarem das mobilizações que serão realizadas pelos sindicatos do país para a conquista do reajuste salarial dos servidores do Judiciário.

com a Fenajufe

 
ASSOJAF/MG CONSEGUE APOIO DO TRT-3 PARA MELHORES CONDIÇÕES DE SEGURANÇA E TRABALHO AOS OFICIAIS DE JUSTIÇA PDF Imprimir E-mail
Escrito por jornalista Caroline P. Colombo   
Qui, 11 de Fevereiro de 2016 13:35

A Assojaf/MG, através do presidente Hélio Diogo e do associado Silvério de Oliveira Resende Junior, participou, no dia 3 de fevereiro, de uma reunião com a direção do Tribunal Regional do Trabalho da 3ª Região para solicitar ações administrativas do Regional relativas à formação, capacitação e segurança dos Oficiais de Justiça.

A reunião iniciou-se às 15h00min e terminou por volta de 16h30min, sendo que a mesa foi composta pelo Presidente Desembargador – Júlio Bernardo do Carmo, o Diretor Geral – Ricardo Oliveira Marques e a DGJ – Telma Lucia Bretz Pereira, sendo que após exposição do pedido do Presidente da Assojaf, transcorreram diversas opiniões e sugestões, que resultaram no deferimento da elaboração de um curso de atualização das modificações  ocorridas no CPC e pertinentes ao Processo de Execução.

Na questão de segurança no trabalho dos Oficiais de Justiça, além das medidas já adotadas de fornecimento de coletes balísticos e parceria efetivada com a PMMG para apoio imediato nas diligências de risco, entendeu-se conveniente preparar um curso que abranja técnicas e estratégias adequadas para solução de crises e conflitos no cumprimento de Mandados Judiciais, sejam medidas de antecipação, prevenção e resolução a fim de assegurar maior segurança no trabalho do Oficial de Justiça.

Segundo informações da Associação, haverá extensão desse curso através de divulgação da mídia Institucional para todos os Oficiais de Justiça desse Tribunal.

com a Assojaf/MG